Sala de Imprensa

Visita también la Sala de Prensa en español
25-05-2015 Produtos Volkswagen

Fabricantes Coca-Cola preferem caminhões Volkswagen

Líderes nas vendas para o transporte de bebidas, com 46% de participação no mercado, os caminhões Volkswagen também estão entre os preferidos das fabricantes dos produtos Coca-Cola no Brasil e exterior. A CVI Refrigerantes, que atua nas regiões central, fronteira oeste e norte do Rio Grande do Sul, acaba de ampliar sua frota com 14 caminhões da marca, entre eles 12 Worker 17.190, usados para entregas urbanas, e dois Constellation 24.280, que atuam na distribuição entre municípios da região.

Comercializados pela concessionária Pampeiro Caminhões e Ônibus, localizada em Santa Maria (RS), os veículos já estão sendo usados para abastecimento dos mais de 16 mil postos de vendas espalhados pelo Rio Grande do Sul. Conforme o diretor industrial da CVI Refrigerantes, Breno Jacobi, a definição pela marca Volkswagen nessa compra levou em consideração, além do aspecto financeiro, fatores técnicos como consumo de combustível e histórico de manutenção.

“O atendimento diferenciado e a parceria com a Pampeiro Caminhões, que já soma mais de 10 anos, também foram itens importante no processo de decisão”, afirma Jacobi. Atualmente, 61% da frota pesada da CVI é composta por caminhões da marca Volkswagen.  

Ideal para entregas e serviços em áreas urbanas, distribuição de bebidas e rodoviários de curtas e médias distâncias, o Worker 17.190 tem como características a agilidade e facilidade de implementação de carroceria rebaixada. Já o Constellation 24.280, caminhão mais vendido do Brasil, é indicado para serviços rodoviários que exigem alta disponibilidade. Ambos são equipados com motor MAN e tecnologia EGR de emissão de poluentes, que dispensa o uso do Arla 32.

Sucesso também no exterior

Na República Dominicana, um dos países que importam caminhões da marca, a Bepensa, que também fabrica produtos Coca-Cola, incorporou recentemente mais 15 caminhões Volkswagen Worker 9.150 à sua frota. Com capacidade de oito pallets cada, os veículos se somam aos outros 34 caminhões do mesmo modelo responsáveis pelo transporte de bebidas da Bepensa no país caribenho.